Detalhes da notícia

Por PABLO KOVAL | Postado em: 14/06/2017 - 08:00
3ª etapa do Circuito MW de Velocross reúne 170 atletas em Toledo
Público que prestigiou o evento no sábado e no domingo foi bastante expressivo
3ª etapa do Circuito MW de Velocross reúne 170 atletas em Toledo

Cerca de 170 atletas do Paraná, Mato Grosso do Sul, Santa Catarina e Paraguai participaram neste sábado e domingo, 10 e 11, em Toledo, da 3ª etapa do Circuito MW de Velocross. A disputa foi na pista da Linha Caça e Pesca em Toledo.

Vários atletas de Toledo participaram da etapa, com destaque para a categoria VX1, com as cinco primeiras colocações sendo ocupadas por atletas locais. João Belino foi o vencedor e agora ocupa a quarta colocação no ranking geral. Ele também venceu na VX2 e está em segundo no geral. Denyter Dorfschmidt ficou com o 4º lugar na categoria 50cc e em 5º na 65cc e Khetlyn Dorfschmidt com o 3º lugar na categoria baton.

Para Maicon Walker, um dos organizadores do Circuito MW, o evento foi um sucesso com um grande público e um número alto de inscrições. “A gente teve um bom número de atletas inscritos, foram 170 com vários participantes de um nível técnico muito bom vindos de outros estados e até do Paraguai. A participação local também foi boa, vários atletas competindo e conquistando resultados expressivos, principalmente na principal a categoria VX1 que teve o pódio inteiramente formado por pilotos de Toledo. E quanto ao público também podemos dizer que atendeu as expectativas”. Cerca de 300 pessoas passaram pela pista de Velocross da Linha Caça e Pesca, durante o final de semana, calculam os organizadores.

No mês de março o Moto Clube de Toledo assinou um convênio de parceria com a Prefeitura de Toledo, através da Secretaria de Esportes e Lazer, que está ajudando em toda a parte estrutural da competição. Foram cedidos banheiros químicos e uma ambulância para segurança dos pilotos e público. Também através desse convênio foram realizadas melhorias na pista, que foram executadas pelas Secretarias de Meio Ambiente e Habitação e Urbanismo. “A pista melhorou muito após a assinatura da parceria, foi feito o alargamento de alguns pontos da pista que antes eram perigosos para os atletas e também foi feita uma área destinada ao público que antes não existia”, comentou Maicon.

O Circuito MW de Velocross é dividido em seis etapas, que valem pontos para a classificação geral da competição. A próxima etapa acontece no mesmo local, mas ainda não tem data definida.



Compartilhe:
Notícias relacionadas

Publicidade
Publicidade
Fale conosco
Integração, a sua rádio!
Uma programação preparada especialmente para você!
Rua Dom Pedro II - 1581 - Centro - Toledo PR
© 2017 | Todos os direitos reservados
Desenvolvido por 4aw