Detalhes da notícia

Por PABLO KOVAL | Postado em: 04/08/2017 - 16:51
Toledo está entre os 10 selecionados para receber capacitação sobre cuidados farmacêuticos no SUS
A capacitação oferecida pelo Conselho Federal de Farmácia contribuirá para o processo de ampliação da rede de atenção farmacêutica do município, que prevê mais três farmácias polo
Toledo está entre os 10 selecionados para receber capacitação sobre cuidados farmacêuticos no SUS

Toledo está entre os primeiros municípios contemplados pelo projeto Cuidado Farmacêutico no Sistema Único de Saúde (SUS). A definição foi do Conselho Federal de Farmácia (CFF). Dez polos foram selecionados para participar da capacitação, que prevê a implantação do cuidado farmacêutico em unidades básicas de saúde pública. Nesta primeira etapa serão capacitados 11 profissionais de Toledo. Além disso, outros 18 farmacêuticos da região serão contemplados no polo de Toledo.

O Departamento de Atenção Farmacêutica da Secretaria de Saúde está comemorando a seletiva. Segundo a diretora do Departamento, Adriane Monteiro Santana, o momento foi mais do que propício para receber essa notícia. “Estamos bem felizes, essa capacitação vem no momento certo, pois já teríamos que providenciar essa capacitação para nossos profissionais. Nós atendemos todas as exigências do Conselho Federal e isso fez a diferença na hora da escolha”, evidenciou Adriane.

O objetivo do município é, segundo Adriane, montar mais três farmácias polo para distribuição integral de todos os medicamentos com a presença de um farmacêutico. “Na farmácia da unidade básica de saúde só entregamos os medicamentos que não são psicotrópicos. Quando precisam desses medicamentos precisam vir até a Farmácia Escola. Com a descentralização em outras regiões, ficará mais prático e próximo para o usuário”.

Com o treinamento que será ofertando pelo CFF, os farmacêuticos estarão capacitados para prescrição de medicamentos, melhorando o atendimento e diminuindo a demanda de consultas nas unidades básicas de saúde. Além dos profissionais de Toledo, farmacêuticos de Assis Chateaubriand, Entre Rios, Guairá, Mercedes, Pato Bragado, Santa Helena, São José das Palmeiras e Tupãssi serão beneficiados pelo polo de Toledo.

A capacitação está prevista para iniciar no mês de setembro. Serão encontros mensais até o mês de fevereiro, com exceção do mês de janeiro.

 

Seleção

Segundo o Conselho Federal de Farmácia, devido ao fato de o projeto envolver a estruturação de serviço e ser de capacitação em trabalho, foram considerados na classificação dos municípios, critérios relacionados à organização e à estruturação da Assistência Farmacêutica em cada localidade. Contaram pontos a existência de organograma da Assistência Farmacêutica e da farmácia; o acesso à internet e a existência de sistema informatizado de gestão.

Outros critérios para a pontuação foram a adoção de Procedimentos Operacionais Padrão (POP); as condições de armazenamento dos medicamentos e correlatos; a disponibilidade de consultórios ou espaço similar para atendimento individualizado ao paciente; a regularidade (inscrição no CRF e no CNES); a existência de uma Relação Municipal de Medicamentos (Remume) e a inserção da Assistência Farmacêutica nos instrumentos de gestão (Plano Municipal de Saúde e Relatório Anual de Gestão).

A capacitação terá carga horária total de 80 horas, distribuídas em 5 módulos presenciais de 16 horas, a cada 15 dias. Durante o processo de capacitação, membros do grupo de trabalho sobre Saúde Pública/CFF farão o acompanhamento e prestarão assessoria para a construção e aprovação de protocolos clínicos de cuidado e das legislações pertinentes. Já durante a capacitação, os alunos terão o acompanhamento de tutor à distância (on-line), durante um período de 6 meses. Os instrutores e tutores do curso serão profissionais ligados à área de gestão da assistência farmacêutica e ao processo de cuidado farmacêutico para a implantação do serviço.

Outro ponto importante é que todos os polos de implantação dos cursos receberão apoio da equipe técnica do CFF na área da Legislação para que possam criar Portarias e outras Legislações que possam legalizar toda a ação dos colegas farmacêuticos no município para o exercício das práticas clínicas e de prescrição farmacêutica onde for o caso.

 

Colaboração: CFF



Compartilhe:
Notícias relacionadas

Fale conosco
Integração, a sua rádio!
Uma programação preparada especialmente para você!
Rua Dom Pedro II - 1581 - Centro - Toledo PR
© 2017 | Todos os direitos reservados
Desenvolvido por 4aw