Detalhes da notícia

Por SECOM/Prefeitura Toledo | Postado em: 05/09/2018 - 07:54
Infraestrutura orienta que seja utilizado desvios oficiais para acessar BR 163
A Prefeitura de Toledo tem recebido relatos de cobrança de uma ponte neste trecho da Rua Angêla Zanella na altura do Rio Marreco.
Infraestrutura orienta que seja utilizado desvios oficiais para acessar BR 163

Com as obras de duplicação da Rodovia BR 163 em andamento algumas alterações foram necessárias nas vias de acesso ao município. Na fase atual da intervenção o acesso via Avenida Ministro Cirne Lima foi redirecionado para a Avenida Barão do Rio Branco ou pela Avenida Parigot de Souza. O Secretário de Infraestrutura Rural, Vilson André da Silva (Chumbinho) orienta que, por questões de segurança, sejam utilizados os desvios oficiais.

Nos últimos dias foi constatado que algumas pessoas estão buscando caminhos alternativos via a Rua Angêla Zanella, no Jardim Coopagro. Acontece que em determinado trecho é necessário realizar a travessia pelo Rio Marreco. “As pessoas que fazem essa travessia estão se expondo a riscos desnecessários, tanto materiais, quanto da integridade física. Não podemos ser responsáveis por isso. Existe sim o projeto para executar uma ponte no local. Só depois disso é que caberão responsabilidades ao ente público”, alerta Chumbinho.

Ponte sustentável

A Prefeitura de Toledo tem recebido relatos de cobrança de uma ponte neste trecho da Rua Angêla Zanella na altura do Rio Marreco. Nesse sentido, o Prefeito Lucio de Marchi fez questão de esclarecer que esse projeto não consta no Plano de Governo e tão pouco no Plano de Metas. Esses são documentos de controle e acompanhamento da gestão. No entanto, há alguns dias assumiu publicamente o compromisso de realizar a obra. “O problema existe há mais de 50 anos no local e tem se agravado em virtude das obras do Dnit na Rodovia BR 163. Isso não fazia parte de nossos planos, mas já determinei para que a Secretaria de Habitação e Urbanismo faça o projeto para a execução da ponte”, afirma.

Lucio ponta ainda a necessidade dos trâmites legais. “Para quem tem conhecimento de gestão pública sabe que é necessário projeto, depois correr atrás de recursos, principalmente quando não existia a previsão orçamentária. Pensamos em uma ponte diferenciada, sustentável, que não perca a característica histórica do local. Que mantenha a passagem pela água de forma segura. Já levei até meu neto para brincar naquele espaço e sei o quanto representa para muitas pessoas que se criaram em Toledo e desde cedo visitavam o Rico Marreco para atividades de lazer. Pretendemos manter isso”, explicou o Prefeito.

Ele reforça ainda a necessidade das pessoas utilizarem os acessos oficiais por medidas de segurança enquanto as obras não forem concluídas ou os acessos liberados.



Compartilhe:
Notícias relacionadas

Fale conosco
Integração, a sua rádio!
Uma programação preparada especialmente para você!
Rua Dom Pedro II - 1581 - Centro - Toledo PR
© 2018 | Todos os direitos reservados
Desenvolvido por 4aw