Detalhes da notícia

Por CRESOL | Postado em: 08/09/2021 - 09:14
Casal de cooperados escreve história de evolução junto com a Cresol
Com apenas um alqueire de terra o casal Leonilda e José Sofiate transformou a qualidade de vida da família por meio do plantio de morangos
Casal de cooperados escreve história de evolução junto com a Cresol

A qualidade de vida da família sempre foi prioridade para o casal José e Leonilda Sofiate. Com mais de 30 anos de casados eles colheram abençoados frutos de um relacionamento que segue baseado no amor e na confiança, são eles os dois filhos Erica e Rafael. Mas, o que poucos sabem sobre os Sofiate, que hoje sobrevive da empresa Piúna, é que foi graças aos desafios que eles decidiram investir no empreendimento rural familiar.
Natural de Campo Bonito, o cooperado José relata em poucas palavras como surgiu a ideia da venda de morangos. "Minha esposa trabalhava na escola da comunidade, com isso a gente precisava intercalar os horários de serviço para cuidar das crianças, afinal eu exercia a profissão de pedreiro e conseguia conciliar melhor os horários", explicou ele.
Para contribuir com a renda da família, Nilda, como é conhecida no município, levava todos os dias uma sacola de verduras para vender na escola, até que em um determinado dia uma das professoras perguntou se ela não tinha interesse em comercializar os morangos que ela tinha plantado em um canteiro debaixo da árvore de Piúna. 
"Quando ela me pediu para comprar os morangos, eu corri no mercado e comprei várias bandejas, empacotei os morangos. Ao chegar na escola houve disputa para quem ia conseguir comprar a fruta", disse Nilda.
Percebendo o nicho de mercado existente com a procura pela fruta, o casal decidiu fazer daquela demanda um empreendimento familiar e com isso veio a primeira estufa de morangos e o nome da empresa se deu em homenagem a árvore que protege esse plantio, Piúna. "Nós abrimos mão da nossa vida profissional para viver do plantio de morango. Com muito trabalho, consegui um importante investimento da Cresol para construir a estufa e com a minha habilidade na função de pedreiro foi possível baratear ainda mais os custos do nosso empreendimento. Fomos crescendo pouco a pouco e em cada fase aprendemos mais sobre a educação financeira, digo isso, porque também foi a Cresol que nos ofereceu um programa que contempla nosso crescimento, o Empreendedorismo Rural", afirmou José.

Empreendedorismo Rural
A Cresol desenvolve o programa de empreendedorismo rural com o objetivo de fornecer informação e assistência técnica para famílias cooperadas a fim de transformar suas unidades produtivas. Com o casal de cooperados, que está no projeto há mais de cinco anos, o incentivo da Cresol fez com que eles investisse ainda mais no plantio de morango. O resultado foi a criação de uma agroindústria que possibilitou a famíalia a diversificação do produto in natura para os produtos licor e geleia de morango, que podem ser adquiridos no mercado com a marca Piuna. "Esse programa tem sido essencial para a nossa evolução. Com ele conseguimos perceber importantes oportunidades de crescimento no mercado e acima de tudo recebemos a assistência de um agrônomo que orienta sobre as melhores formas de conduzir o plantio e ter uma maior rentabilidade", concluiu José.



Compartilhe:
Notícias relacionadas

Publicidade
Publicidade
Fale conosco
Integração, a sua rádio!
Uma programação preparada especialmente para você!
Rua Almirante barroso, 2018, CEP 85900-020 Centro Comercial Catedral, sala 18
© 2021 | Todos os direitos reservados
Desenvolvido por 4aw